Logo Grupo Heineken

Grupo HEINEKEN apoia o consumo consciente. 

Você tem mais de 18 anos?

Você ainda não pode entrar.

Você precisa ter 18 ou mais anos para acessar nosso conteúdo.

10/06/2024

Grupo HEINEKEN e SOS Mata Atlântica produzem mais de 7 milhões de mudas nativas do bioma e levam educação e conhecimento a milhares de pessoas

Área em Itu (SP) conta hoje com 386 hectares de floresta em processo de restauração e possui viveiro com capacidade de produzir 700 mil mudas de cerca de 110 espécies nativas por ano

O Grupo HEINEKEN, em parceria com a SOS Mata Atlântica, anuncia que, desde 2007, apoiou a produção de sete milhões de mudas de árvores nativas da Mata Atlântica com o objetivo de restaurar o bioma. O espaço, hoje sede da Fundação SOS Mata Atlântica, cedido em comodato pelo Grupo HEINEKEN, possui 526 hectares, sendo que 386 destes estão em processo de restauração. Na área, foi também construído um viveiro com a capacidade de produzir 700 mil mudas de 110 espécies nativas por ano. Isso, além de contribuir com o crescimento do ecossistema, tem ajudado a melhorar aspectos da biodiversidade, condições climáticas na região e disponibilidade de água potável.  

Na parte hídrica, o Centro de Experimentos Florestais, como é chamado o local de reflorestamento, contava com 17 nascentes em 2007 quando o projeto começou. Atualmente, com todo o processo de restauração, duas delas voltaram a verter água, o que amplia o total para 19 nascentes. Além disso, segundo a diretora de Sustentabilidade do Grupo HEINEKEN, Ligia Camargo, foi possível notar um aumento de 5% de água superficial e 20% de água subterrânea. 

A maior disponibilidade de água permitiu que, em 2014, durante uma escassez hídrica na cidade de Itu, o Grupo trabalhasse em conjunto com a Prefeitura para fornecer água potável para os cidadãos. “O projeto começou visando preservar espécies nativas da Mata Atlântica e, com o tempo, tivemos resultados em diversas frentes, como a restauração de nascentes. A comunidade como um todo vem sentindo essas diferenças. Em um monitoramento que fizemos, em parceria com a USP, foi possível observar diversos animais selvagens, que há muito tempo não eram vistos na região, ao redor da nossa área de restauro”, diz Ligia, do Grupo HEINEKEN. 

A recuperação da floresta também contribuiu com a biodiversidade local, a partir de um estudo realizado em parceria com a Universidade Federal de São Carlos – campus Sorocaba, identificou 208 espécies de aves, incluindo duas espécies ameaçadas de extinção, como a perdiz e a curica. De acordo com o levantamento, o Centro de Experimentos abriga outras seis espécies de aves classificadas como quase ameaçadas de extinção e 13 espécies que frequentam a fazenda atualmente são endêmicas da Mata Atlântica - ou seja, encontradas apenas nesse bioma. 

Outro estudo que reforçou a potencialidade do Centro de Experimentos Florestais como um local de refúgio da fauna foi o de monitoramento de mamíferos terrestres, realizado por pesquisadores da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (ESALQ-USP). A pesquisa identificou 20 espécies nativas de mamíferos de médio e grande porte, como gato-do-mato-pequeno (Leopardus guttulus), gato-mourisco (Puma yagouaroundi), lontra (Lontra longicaudis), paca (Cuniculus paca), onça-parda (Puma concolor), entre outras. Das espécies nativas registradas, seis possuem algum grau de ameaça de extinção. Além disso, grupos familiares de algumas espécies foram encontrados, como de cachorro-do-mato (Cerdocyon thous) e gambá-de-orelha-branca (Didelphis albiventris). O grupo monitorou os mamíferos terrestres e avaliou seu papel funcional por cerca de 3 anos, comprovando que a área é um importante refúgio para animais na região, tanto aqueles que vivem ali ou alguns que utilizam o local como passagem. 

Educação ambiental 

Além dessas ações, o Grupo HEINEKEN apoia o programa de educação ambiental no local, o “Aprendendo com a Mata Atlântica”, em parceria com a SOS Mata Atlântica. O programa busca integrar a comunidade escolar ao bioma e o valorizar como espaço educativo, com atividades lúdicas, interativas e de vivência na natureza. A iniciativa começou em 2010 e, o momento, teve a participação de 52 mil pessoas, entre eles 2.700 professores de 218 instituições. Além disso, a parceria também apoia outros projetos como Mata Atlântica vai à Escola, de formação de educadores. Nos cursos oferecidos, que variam de Elaboração de Projetos e Monitoria, mais de 190 pessoas já se formaram.  

  “A fazenda que foi cedida pelo Grupo HEINEKEN para as atividades da SOS Mata Atlântica já teve diferentes vocações - como produção de café e criação de gado – e hoje é um exemplo claro de que a restauração da floresta pode trazer inúmeros benefícios para a vida. Além disso, também é o local de muitas ações de educação ambiental, pesquisa e capacitação técnica em parceria com universidades. Somente nesta área já plantamos 720 mil mudas de árvores nativas da Mata Atlântica, com ótimos resultados e muitos aprendizados, que levamos para outros projetos. Temos ali dedicados engenheiros florestais, biólogos, educadores e viveiristas e conseguimos mostrar que conservar os recursos naturais e restaurar os ecossistemas da Mata Atlântica é algo possível”, afirma Rafael Bitante Fernandes, gerente de restauração florestal da SOS Mata Atlântica. 

Sobre o Grupo HEINEKEN  

O Grupo HEINEKEN chegou ao Brasil em maio de 2010, após a aquisição da divisão de cerveja do Grupo FEMSA e, em 2017, adquiriu a Brasil Kirin Holding S.A ("Brasil Kirin"), tornando-se o segundo player no mercado brasileiro de cervejas. O Grupo gera mais de 14 mil empregos e tem 14 unidades produtivas no país, sendo 12 cervejarias e duas microcervejarias. A companhia também já iniciou a obra da sua 15ª cervejaria em Passos (MG), a unidade mais sustentável da companhia até agora. No Brasil, o portfólio de cervejas do Grupo HEINEKEN é composto por Heineken®, Heineken® 0.0, Sol, Amstel, Amstel Ultra, Kaiser, Bavaria, Eisenbahn, Baden Baden, Devassa, Schin, Glacial, Lagunitas, Blue Moon e Tiger. O portfólio de não alcoólicos inclui Água Schin, Skinka, os refrigerantes Itubaína, Viva Schin, FYS e o recém-lançado CLASH’D. Com sede em São Paulo, a companhia é uma subsidiária da HEINEKEN NV, maior cervejaria da Europa.  

Informações à imprensa:  

Weber Shandwick  

E-mail: grupoheineken@webershandwick.com  

Voltar ao topo